Olá Pessoal!


Olá Pessoal!


Sejam muito bem vindos ao Blog Alimentação de Cães e Gatos!


Espero que os assuntos aqui abordados sejam muito úteis à todos! Caso tenham alguma sugestão de assunto ou alguma dúvida, entrem em contato comigo através do "Fale com a Nutricionista", terei o maior prazer em atendê-los!


Boa leitura e Obrigada pelo acesso!


Zoot. Ana Paula Pereira


Estamos no:

Twitter: @Pet_Assistance / Facebook: PetAssistance / Skype: ana_petassistance

Contatos através do Tel: (043) 99638229

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Constipação Intestinal nos Pets. O que fazer?




Em um post passado, falei de diarréias, que são problemas ocasionados pela alta taxa de passagem dos alimentos no intestino. Hoje, à pedido de uma amiga, vamos falar do contrário, a constipação.

A motilidade intestinal é fator chave para o bom funcionamento do intestino. Antes, qual a importância do intestino? É nesta parte do organismo que ocorrem a maior parte da absorção dos nutrientes da dieta, onde também, pode ocorrer a fermentação de frações dietéticas não-digeridas durante o processo de digestão normal. Um bom funiconamento dele, promove uma absorção ótima dos nutrientes que a dieta fornece e que são fundamentais para uma boa saúde dos animais. Um mau funcionamento, acarreta perda das frações nutricuionais importantes que forneceriam os nutrientes requeridos diariamente pelos animais.

A constipação intestinal no Pet, ocorre da mesma forma, como a de humanos, é um processo que pode ser desencadeado por muitas causas, porém, entre as mais importantes, podemos citar, doenças ceco-cólicas, dietas e idade. Esta constipação seria a diminuição da quantidade de evacuações, com necessidade do animal fazer muita força para evacuar, além de algumas vezes, volume reduzido de fezes, com características de fezes muito compactadas e secas, além da sensação de evacuação incompleta por parte do animal, animal tende a ficar na posição de evacuação por um período maior e sem sucesso.

A constipação pode ter algumas origens diferentes, como com um início repentino, que ocorre em uma mudança brusca de dietas, isto acontece geralemente quando mudamos de um alimento mais nobre, para um alimento de pior qualidade (maior quantidade de fibras), ou, na troca de um alimento industrial para um alimento natural, dependendo do organismo do animal, por exemplo, ou progressiva, em especial durante o processo de envelhecimento do pet.

Do ponto de vista nutricional, a causa mais comum da constipação é a baixa ingestão de fibras, em especial, fibra insolúvel que é a fibra responsável pelo aumento da taxa de passagem, que associada à fibra solúvel, que auxilia na retenção de líquido nas fezes, fazem com que as mesmas fiquem mais pastosas e fáceis de serem eliminadas.

Como podemos ter certeza de que o animal está constipado?

Em primeiro lugar, observar o comportamento dele na hora da evacuação, em segundo, observar as fezes, que devem ser bem formadas, com brilho (sinal da presença de água) e aparentemente macias com coloração marrom, masi comum, porém, esta varia em função da composição da dieta.

Em animais idosos, comumente encontramos problemas de constipação, por este motivo, as rações ou alimentos para pets com idades avançadas, possuem um maior teor de fibra que os alimentos para animais adultos normais. Desta forma, é importante que seja oferecido um alimento próprio à animais idosos.

Como prevenir a constipação? Podemos amenizar o problema dos animais, com algumas atitudes:

- Promover a alimentação dos animais em horários regulares (para que o organismo possa trabalhar de forma rítmica), promovendo horários certos para defecação.

- Promover maior ingestão de água por parte dos animais, até mesmo usando artifícios na água para estimular a ingestão. Isto auxilia na maior umidificação das fezes.

- Evitar distrair o animal enquanto ele evacua.

- Oferecer petiscos naturais, como cenoura entre as refeições, fontes de fibras.

- Oferecer frutas como maçã, com casca.

- Oferecer probióticos e prebióticos esporadicamente para melhorar a flora intestinal.

A constipação pode ser resultado de alguma patologia que o animal possa estar apresentando, o ideal, é, caso a constipação persista, que o Médico Veterinário seja consultado, dependendo do grau de constipação, este deverá receitar medicamentos que auxiliem na melhora dos problemas apresentados.

Abraço a Todos!

Ana



26 comentários:

  1. O meu constipa com arroz branco..eu dou a ele talinhos de brocolis cozidos e um tiquinho da folha (ele é maluco com os talos tenrinhos). Posso usar como petisco esses talos cozidos?

    ResponderExcluir
  2. Pode sim, Alê, obviamente que com moderação!

    Bj,

    Ana

    ResponderExcluir
  3. Êeeeeeeeeeeee Anaaaaa, só agora vi o post!! Muito obrigada por atender ao meu pedido!!
    Aqui em casa, Yska não seja a ser constipada. Mas tem o problema de fezes ressecadas, e tenho certeza de que é pela baixíssima ingestão de água. Ela é impressionante, bebe POUQUÍSSIMA água. Parece um animal do deserto, que vive com o mínimo de água. Mesmo assim, não é desidratada, a urinálise feita essa semana estava normal, bem como creatinina e ALT, e todo o hemograma. Sendo assim, acredito que o ressecamento das fezes seja pela baixa ingestão de água. Eu tenho procurado aumentar isso, qdo tá muito calor dou umas pedras de gelo, e em outras condições, tento fazer um suco de fruta, ou caldo de frango/carne... Mas não é todo dia que faço.
    Bem, graças a Deus até hoje ela não aparentou ter maiores problemas com esse ressecamento, mas mesmo assim, não dá pra brincar, né... Vou tentando aumentar a ingestão de água dela na medida do possível.
    Bjos e mais uma vez, obrigada pelo post! Agora serei seguidora do blog, pra poder ficar por dentro do que rola por aqui.

    ResponderExcluir
  4. Meu cachorro tem constipação e terá que fazer uma ultrasom par aidentificar o problema, ele está sofrendo muito, porque fica tentando fazer várias x e doe muito, fica chorando e gritando. Pensei que fosse algo mais simles, mas parece ser muito grave.

    ResponderExcluir
  5. minha cadela está com chorando(um choro meio manhoso), e está com dificudade de evacuar, o motivo do choro pode ser uma possível "prisão de ventre"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, sim, o motivo pode ser a dificuldade em evacuar. O que você deve observar é se ela comeu alguma coisa que possa ter provocado uma obstrução intestinal, ou se é ressecamento de alimentação mesmo. Tente oferecer à ela frutas com casca, como mação e pêra, a fibra das cascas podem ajudar a melhorar a motilidade intestinal. Caso ela não consiga evacuar é recomendável que leve-a ao Vet, pode ter realmente algum corpo estranho impedindo a passagem das fezes.

      Excluir
  6. Ola Ana em abril do ano passado minha cachorra que e uma Basset foi atropelada e fraturou a bacia.Foi feita uma cirurgia para colocar pinos e apos seis meses começou ter problemas para evacuar a ponto de ter que ser feito enema e de la para ca.So foi piorando cada vez mais em janeiro teve que ser feito outro enema. Ela fica bem por um tempo e logo volta o problema novamente a veterinaria me disse que o caso dela e cirurgico. Mas nao me deu cem porcento de chance que venha dar certo. E agora em março foram feito mais dois enema.para poder liberar as vezes e eu estou lhe dando lactulose a mando da vet, Eu nao sei mais o que fazer nao aguento vela na posiçao e nao sair nada. Por favor me de alguma dica natural, para que eu tenha que lhe dar tanto laxante. Obrigada

    ResponderExcluir
  7. Olá Andreia, tudo bem? coitadinha dela!

    Veja, o que você pode fazer é dar mamão com aveia e fibra de trigo.

    100 gr de mamão amassado com 1/2 colher de aveia e 1/2 de fibra de trigo.

    Espero que dê certo!

    bj grande e sorte com sua cachorrinha!

    Ana :)

    ResponderExcluir
  8. Olá! Obrigada pela dica. Para mim deu certo. Não tinha em casa a fibra de trigo, então usei o mamão e 1 colher de sopa rasa de aveia em pó. Em menos de 1 hora minha cadela, que já estava constipada há dois dias, defecou. Uma outra coisa que ajuda muito a soltar as fezes é o azeite de oliva. Costumo dar uma colher de chá de azeite à minha cadelinha de porte pequeno e quase sempre o efeito vem logo em seguida.

    ResponderExcluir
  9. Meu cãozinho tem apenas 15 dias e a três dias vem sofrendo deste mal... não sei mais o que fazer.... já gastei horrores no vet... me ajude... o que posso dar a ele? ele sempre mamou, desde que nasceu na mamadeira... a vet suspendeu a mamadeira e passou hidravet.... o que me sugere?

    ResponderExcluir
  10. Olá Camile! Tudo bem? Mande por favor um e-mail para mim, através do petassistance@gmail.com me contando mais detalhes do caso dele e vamos nos falando ok? Abraço

    ResponderExcluir
  11. OIIII!!!!!! o meu tem nove anos e a dois meses fez cirurgia de hernia bia lateral e perdeu o controle tenho muiot repeito por horarios de passeios duas vezes ao dia!!!!ameixa seca !!!!!!!!!muiot azeite galo!!!!!!ração de lata e hj ele estava entupido pois ficou sem evacuar por medo de trovao!!!!levei ao vet e el passou um FLEET que ajudou a irrigar as fezes ele gritou mais saiu!!!!!grças a DEUS!!!!!agora ta aliviado mais vou experimentar aveia com carne moida!!!!!e muito azeite!!!!!!!!!!!!e muita fe em sao lazaro e sao francisco!!!!!um abraço!!!!!!1

    ResponderExcluir
  12. Olá! Acabei de pegar um cãozinho mestiço de labrador com dois meses. Resgatei de um bambuzal próximo a casa de uma conhecida. Estava com excesso de vermes (toxocara canis)enooormes... Observei que após a introdução da ração ele vem fazendo muita força para evacuar, até mesmo se for líquida (aconteceu qdo comeu um "palitinho" comprado na petshop). As fezes são macias e com brilho. Ele evacua umas seis vezes ao dia e mais umas duas de madrugada. O excesso de força está fazendo sua hérnia umbilical aumentar de tamanho. O vet disse que pode ser pela troca do leite para a ração, porém já fazem 15 dias e isso me preocupa. Ele come apenas a Pedigree Equilíbrio Natural e bebe bastante água. Isso é normal? Agradeço a atenção desde já.

    ResponderExcluir
  13. Boa noite Ana,

    Achei o seu Blog o mais técnico e com fácil linguagem, parabéns!! =]
    Eu estou com um problema seríssimo com meu cachorro. Ele é um Bulldog Francês e do contrario da raça ele tem um sério problema na hora de evacuar.
    Suas fezes são pastosas e mesmo assim a força que ele faz é tamanha que seu reto já saiu para fora 3 vezes, sendo que da última teve que abrir a barriga para costurar o reto. =/
    Estou muito preocupado, pois ninguém sabe o motivo. Dou a ração Hills intestinal mesmo assim continua fazendo muita força que chega até sair sangue junto com as fezes.
    Toda a vez que ele vai evacuar é um desespero, pois nunca sei se vai sair o reto novamente.
    Ele tem três meses, evacua 3 vezes ao dia, sua saúde é ótima, pois não deu nada no ultrassom, nem no toque que o veterinário fez no intestino dele na hora da cirurgia. Seus exames de sangue estão ok, mas a força continua.

    Se puder me ajudar, pois estou angustiado com o sofrimento do bichinho e do fato de ninguém descobrir o motivo.

    Desde já agradeço sua atenção.

    Fico no aguardo.

    Obrigado!! =D

    ResponderExcluir
  14. Olá Luciano!!! tudo bem? Por gentileza, me passe seu e-mail, através do petassistance@gmail.com Assim ficará mais fácil de conversarmos!

    Abraço e obrigada pelo acesso ao meu blog!

    Ana

    ResponderExcluir
  15. Olá Ana meu nome é Aline tenho duas gatinhas que estão sofrendo de constipação intestinal a 6 meses mudei para uma nova casa com quintal pequena não possui nenhum jardim com graminha, em seguida minhas gatinhas começaram a ter problemas de ressecamento ja levei uma delas as pressas na veterinária porque não conseguia evacuar. A veterinária passou uma dieta de ração com algumas gotas de óleo de oliva, leite, mesmo assim não esta funcionando por favor me ajude o que posso fazer para melhorar essa situação?Obrigado por sua atenção!

    ResponderExcluir
  16. Oi!!!!! Poderia me passar um e-mail, relatando este problema? Meu e-mail é petassistance@gmail.com - Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  17. Muito obrigada pelo post, minha cachorrinha andou assim uns dias, ai comecei a trocar a ração e vi que ela melhorou. Obrigada :D

    ResponderExcluir
  18. Meu cachorro estava com prisão de ventre, dei a ele, suco de mamão e mamão amassado com aveia e farelo de trigo tem feito as fezes normalmente, o problema e que não gosta de beber água, compro até coco e dou a água pra beber, quando ele bebe água normal e só duas línguadas e pronto, horrível não entendo isto.

    ResponderExcluir
  19. Oi bom dia!
    tenho uma labrador com três meses e ela chora muito pra evacuar, ela come bem, mas faz coco muitas vezes e chora... as fezes são úmidas! O que faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniela, tudo bem? Me envie um e-mail por favor no petassistance@gmail.com e vamos falar sobre seu cachorrinho. Podemos tentar algumas coisas para tentar melhorar a constipação! Obrigada pelo acesso ao Blog! Abraço! Ana

      Excluir
  20. Olá Ana. Minha Shar pei de 8 meses passou por uma cirurgia de hérnia inguinal bilateral aos 3 meses de idade, e com cerca de 6 meses passou pela castracao. Aí que começou o problema.. Ela conseguiu romper os pontos da castração,mesmo com a roupa cirúrgica, e houve evisceração. O vet veio buscá-la correndo e fez a cirurgia de emergência. Ela ficou bem, internada por 15 dias, voltou pra casa. Agora com 8 meses, apareceu um início de prolapso retal, na hora de defecar, o anus ficou muito inchado, e uma parte vermelha apareceu, parecendo o intestino querendo sair. Já gastamos cerca de 10 mil reais só em cirurgias, internações e medicamentos entre essas cirurgias. Precisamos de ajuda para saber se há necessidade de cirurgia em casos como esse? Ou existe a chance de não precisar? Gostaria que minha cadela querida não sofresse mais, ainda filhote, ela já passou por tantas coisas. E nós também não temos mais condições de gastar dinheiro com cirurgias. Se for preciso para ela viver, daremos um jeito, claro. Mas preciso saber se existe outra forma de curá-la. Obrigada pelo espaço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raíssa, boa tarde! Poderia me passar seu e-mail por favor? Abraço! Ana

      Excluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Olá Rita! Coelhos possuem o melhor dos cecos funcionais. O equilíbrio entre fibras fermentáveis e fibras não fermentáveis é fundamental para o funcionamento do intestino deles. No caso de coelhos.

    ResponderExcluir

Comente este post!